INVERNO

1796454_926804410706574_7365482241497777350_n

 

E quando milhões de coisas passam na sua cabeça e não se sabe por onde começar?

Sabe quando por mais que você se esforce para solucionar outro problema e vem outro problema e toma conta de você?

Pois bem, esse é um dos invernos da vida. Por mais que nademos no mar, ainda assim parece difícil enxergar terra firme.

Parece que tudo o que fazia sentido antes, agora não faz mais. Que as novidades deixam de ser, que o medo do que não se pode controlar e as dificuldades tornam-se maiores que tudo.

Muitos desses problemas, na maioria das vezes encontram-se apenas na nossa mente. Lidar com isso chega a parecer impossível, mas ainda há solução.

Parece que tudo parou. Está estagnado.O que antes era feito com maestria, agora parece difícil.

A maneira como falamos, ouvimos, agimos, sentimos muda quando enfrentamos esse inverno. É como se fosse um labirinto de espelhos, onde por mais que se tente sair, permanecemos perdidos no mesmo lugar.

Isso é consequência do desafio que temos conosco. Estar bem depende de nós mesmos. Essa é uma escolha que fazemos diariamente.

Mesmo achando que as coisas podem ter parado e que estamos sozinhos, não estamos.

Já dizia Mateus 6:25-34:

25 Portanto, eis que vos digo: não vos preocupeis por vossa vida, pelo que comereis, nem por vosso corpo, pelo que vestireis. A vida não é mais do que o alimento e o corpo não é mais que as vestes?

26 Olhai as aves do céu: não semeiam nem ceifam, nem recolhem nos celeiros e vosso Pai celeste as alimenta. Não valeis vós muito mais que elas?

27 Qual de vós, por mais que se esforce, pode acrescentar um só côvado à duração de sua vida?

28 E por que vos inquietais com as vestes? Considerai como crescem os lírios do campo; não trabalham nem fiam.

29 Entretanto, eu vos digo que o próprio Salomão no auge de sua glória não se vestiu como um deles.

30 Se Deus veste assim a erva dos campos, que hoje cresce e amanhã será lançada ao fogo, quanto mais a vós, homens de pouca fé?

31 Não vos aflijais, nem digais: Que comeremos? Que beberemos? Com que nos vestiremos?

32 São os pagãos que se preocupam com tudo isso. Ora, vosso Pai celeste sabe que necessitais de tudo isso.

33 Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas vos serão dadas em acréscimo.

34 Não vos preocupeis, pois, com o dia de amanhã: o dia de amanhã terá as suas preocupações próprias. A cada dia basta o seu cuidado.

Não há com o que se preocupar. Devemos buscar a Deus e entregar a nossa vida a Ele.

O Pai sabe das nossas necessidades, o que podemos ou não suportar.
Somente o Pai pode nos conduzir.
Diariamente devemos entregar e consagrar a vida a Ele e acreditar.
Ele não desampara nenhum dos nossos filhos e supre todas as nossas necessidades.
Se algo não está dando certo da maneira que achamos que teria que dar, é porque ainda não chegou o momento.
Talvez seja hora de aguardar e descansar.
O melhor sempre estará por vir. Pode acreditar.
Que Deus te abençoe,
Samara Garcez

 

Anúncios

A Bagagem

download

 

Ao longo da minha carreira profissional, me deparei com diversos desafios. Por onde passei, aprendi algo e carreguei a “bagagem” comigo.

Somei experiências boas e ruins, mas que de uma maneira ou de outra me fizeram crescer e amadurecer.

Na vida pessoal, não tem sido diferente. Continuo carregando a bagagem comigo. As experiências boas e e ruins têm feito parte da minha vida.

Algumas acrescento e outras deixo ir.

No entanto, seja no pessoal ou no profissional, certamente o mais difícil é lidar com as pessoas.

Por sermos diferentes uns dos outros, o que deveria ser considerado um fator positivo, muitas vezes se torna um tremendo desafio.

As diferenças e experiências do outro deveriam servir para acrescentar nas nossas vidas, mas nem sempre é assim.

Seres humanos são diferentes, e cada um carrega a sua própria bagagem. Muitos sequer olham para dentro do que carregam.

Abrir a própria bagagem pode ser doloroso. Alguns colecionam experiências e escolhas que preferiam não ter vivido e, ao invés de deixar ir, se tornam pessoas amarguradas, incapazes de amar.

Se apegam ao passado e se negam a seguir em frente. As escolhas podem mudar o rumo da nossa historia.

Há aqueles que optam somente pelo casamento, acreditando ser totalmente plenos em uma vida conjugal e se dedicam tanto ao outro que se esquecem de si mesmo. E quando descobrem que poderiam ter se amado um pouco mais, amarguram um tempo que não volta atrás.

Há aqueles que optam pela carreira profissional e abandonam o casamento e os filhos. E quando se dão conta que o tempo passou, não há mais como voltar atrás.

Não estou aqui para julgar ninguém, apenas para mostrar que somos totalmente responsáveis pelas escolhas que fazemos e que não temos o direito de transferir as nossas frustrações para ninguém.

Se outro é mais feliz que você, que bom! Ele seguiu em frente e a sua bagagem apesar de estar pesada, ele se sente leve, pois fez um bom uso da sua bagagem. Aproveitou de maneira positiva as escolhas e experiencias que a vida de lhe proporcionou.

Transformou a bagagem em bençãos, alegria e satisfação para si mesmo e para aqueles que o rodeiam.

Então para que distribuir inveja, amargura, ódio gratuitamente? Por que usar de artifícios que prejudicam o outro, mas que prejudicam principalmente você?

Por que usar da mentira, da manipulação do egoismo? Para que obter tudo para si, custe o que custar, sem nenhum escrúpulo?

Isso não é viver!!!  É se enterrar ainda mais numa mentira!! É se afastar do mundo, da vida e das pessoas que ama!

Não precisa! A nossa verdade não é unica e absoluta! É apenas um ponto de vista, se comparado a todas as experiências.

Devemos olhar para frente e sempre procurar respeitar os outros e suas escolhas, mesmo que elas não nos agradem.

Não temos o direito de interferir, muito menos impor a alguém a nossa verdade. Respeito é necessário e benéfico para todos.

Aceitar as nossas falhas por mais difícil que seja, é necessário, saudável e um passo para o nosso crescimento e amadurecimento. Se perdoar é divino e libertador.

Isso se chama crescer, esvaziar a bagagem.

A vida existe para ser vivida, sentimentos para serem sentidos, pessoas para serem amadas.

Apenas isso.

 

Samara Garcez

 

COLCHA DE RETALHOS

download

Hoje amanheci pensando em escrever…Mas escrever o que? Escrever apenas por escrever?

Então me deixei levar pelo coração…E pensei: É isso! Vou falar sobre experiências.

Parece batido falar sobre algo que todos adquirem ao longo da vida: Experiência.

Mas não é. Experiência é vivência. É a sua história escrita em tempo real. Sua coleção de lembranças.

Experiências são uma coleção de momentos e aprendizados. São lições vividas por você. Não tem como ficar como mero expectador. É algo que cada precisa passar, viver, sentir. É intransferível.

Você pode descrever, demonstrar, mas na hora que vivencia aquilo, a sensação é diferente.

A experiência da maternidade é um bom exemplo. Não há como descrever sem vivenciá-la. Desde o principio até a descoberta de uma nova forma de amor. O amor por um filho.

Alguns podem até tentar entender, mas senão vivenciaram, jamais conseguirão saber a intensidade e a pureza desse sentimento.

Experiências são coleções feitas ao longo da vida. São retalhos sendo costurados que formam a nossa história.

As experiências belas nos levas as mais doces lembranças, à sentimentos de amor, felicidade, plenitude, satisfação.

As dores e dificuldades também fazem parte dessa colcha de retalhos. Elas nos deixam marcas que só nós conseguimos entender.

Algumas delas doem ainda em pensamento. Chegamos a não querer entrar em contato, mas ainda assim fazem parte do que somos e do que queremos.

As dores são experiências ricas, que trazem a maturidade e nos mostram a clareza que às vezes seguimos por caminhos errados, mas que ainda podem ser melhorados.

Experiências dolorosas nos levam a aceitação que nem tudo é perfeito e que sempre é possível recomeçar.

As experiências nos levam a superar desafios, medos.

Nos mostra como a vida vale a pena ser vivida e que no fim tudo dará certo.

Ainda não cheguei ao final da vida, mas creio que quando envelhecer, as experiências me trarão não só a sabedoria como todos falam, mas também a escrita do livro da vida com todos os ensinamentos que tive ao longo da minha trajetória.

Portanto, viva!

Se os problemas e o medo forem grandes, supere-os! Deus deu a cada um a capacidade de superar nossas dificuldades.

Supere-se! Se desafie a cada dia experimentar algo novo e construtivo.Não se prenda a situações que não vão se resolver.

Deixe ir! Não perca tempo murmurando, se lamentando!

Abra os braços e Sorria! Seja o seu Sol e o Sol dos outros!

Brilhe para a vida!

 

Seja Feliz!

 

Beijos no coração,

 

Samara Garcez

Sobre o amor

download

 

Há tantas coisas para falar sobre o amor.

O amor é sublime, é terno, é um lindo sentimento. É através dele onde as pessoas se unem, se sentem mais felizes e realizadas.

Através do amor, temos as maiores conquistas, realizamos sonhos, perseveramos.

Por amor lutamos, choramos, sorrirmos, amamos.

Ah, o amor. Um sentimento antagônico. Ao mesmo tempo que nos faz sorrir, dilacera o coração.

Um amor não correspondido, uma decepção, uma perda. São formas dolorosas de amar.

Um matrimônio, o nascimento de um filho, a realização de um sonho, São formas doces de amar.

O amor existe em todos os momentos e situações. Ele está presente até mesmo quando achamos que ele não pode estar.

Ele habita nos nossos corações e fora dele. Nas pequenas coisas. Uma flor, um animal, um sorriso. Em tudo o que se habita nesse mundo há amor.

O amor mais puro é o  de uma mãe por um filho. Essa é uma das maiores provas do quão forte,  importante e verdadeiro é esse sentimento. Não existem palavras para traduzir. É grande, é intenso, é doloroso. É o coração batendo do lado de fora do corpo.

Mas amar demais pode se tornar algo ruim.

Amar demais pode sufocar, apriosionar, destruir.

Quando amamos demais alguém, precisamos deixar o outro viver. Dar espaço, liberdade, respeitar o outro, acredite, também é uma forma de amar.

Amar é dar espaço, é estar junto, mesmo estando longe, é dividir, é saber a hora certa de parar mesmo não querendo, é aceitar.

Usar de artimanhas para cercar o outro com a culpa, o medo, não é uma demonstração de  amor.

Ciúme, inveja, egoísmo e controle sobre o outro, podem destruir quem você mais ama.

As escolhas de cada um são únicas. E precisamos respeitá-las mesmo não concordando.

Amar verdadeitamente é querer ver o outro feliz e não controlar a vida dele, querer destruir tudo o que o outro conquistoi para simplesmente fazer valer a própria vontade.

Muitas mães perdem o controle sobre o amor e ultrapassam esse limite. Esquecem que existe respeito, a liberdade e o momento certo para se retirar.

E depois não medem esforços e utilizam de artimanhas para conseguirem o que querem.

Isso é amor? Não. Isso é egoismo, frustração, inveja por não poder proporcionar tudo para aquele ser que mais se ama.

Amar é apenas amar…. deixar ir… mesmo que em meio a lágrimas. É fazer a coisa certa mesmo que seja dificil e ser grato por um dia ter tido a honra de poder sentir algo assim.

 

Beijos no coração,

Samara Garcez

 

 

 

 

Experiências…Sabedoria

deus

Conforme envelhecemos, adquirimos sabedoria e experiência na vida. Vamos aprendendo à medida que vamos vivendo e muitas vezes esquecemos ou temos medo de olhar para trás  tudo o que passou.

O fato é que as experiências são o que nos transformam e nos tornam o que somos hoje.

O que levamos para os nossos corações e para a vida nada mais é do que essência de alguma experiência vivida.

Se ao longo da vida colecionamos amigos, pessoas caras, sentimentos bons, sorrisos, bondade, fraternidade, em determinado momento encontraremos sentimentos semelhantes nas pequenas coisas.

Seja num sorriso, num filme, uma pregação ou talvez um leitura. Não importa. Aquilo de alguma maneira retornará até voce.

Agora se ao longo da sua vida, tudo o que conseguiu colecionar, foi ganância, inveja, status, dinheiro, bens materiais, ambição, o que voltará serão sentimentos, emoções frágeis, que não geram nenhum preenchimento dentro de voce.

Os momentos vão passar e você vai achar que todos estão errados, exceto voce.

Quando paramos e olhamos apenas para o nosso umbigo, tudo o que podemos ver é realmente o nosso umbigo.

Olhar somente para nós, limita a  visão de mundo, limita viver a vida com dignidade, com amor e alegria.

Não importa estar certo ou ter razão sempre. Importa mesmo é ser feliz.

É estar em harmonia consigo mesmo e com os outros. É seguir uma caminhada sem amargura com vontade de partilhar o que é seu.

Ser feliz é estar em paz, é não se importar com as regras que o mundo impõe para seguirmos;

Ser feliz é aceitar outro e as suas escolhas sem julgar ou criticar. É respeitar a vontade do outro mesmo que doa ou sabendo que o outro vai sofrer.

E se sofrer seja amigo, solidário com a dor dele. Estenda a mão quando ele precisar.

Ser feliz é saber que mesmo em tempos dificeis, é possível dar sempre mais um passo para a alegria e a esperança de dias melhores.

Ser feliz é mesmo conhcendo os defeitos do outro, ainda assim aceitá-lo como seu irmão. Sem mágoas ou julgamento.

Ser feliz é se permitir viver a vida sem olhar para trás com mágoa ou arrependimento.

Pois o que passou, passou… Fez parte do você é… Mas o que você será daqui pra frente só dependerá das escolhas que fizer agora.

Boa semana!

 

Samara Garcez.

Meu herói

tumblr_static_sorriso_dedos_metodo_derose_boas_maneiras

Não precisa ter dia nem hora para falar dele.

Simplesmente ele existe. Me deu a vida, educação, amor.

Mostrou o certo e o errado. Puxou a orelha quando precisou.

Mas diante de toda uma vida, ele só amou.

Desde o momento do meu nascimento até o dia do meu casamento. Ele amou e se orgulhou e me amou mais.

Não existem palavras que possam descrever, mas ele foi mais que um Pai. Sempre foi meu herói.

Aquele que me livrou do perigo, que venceu inúmeras batalhas, que se sacrificou para me dar uma vida melhor.

Aquele que me amou, mesmo enxergando os meus defeitos, que me aplaudiu quando recebi o meu diploma da universidade.

Aquele que muitas vezes precisou ter paciência nas aulas de matemática.

Esse é o meu PAI.

A melhor pessoa do mundo. Alguém que me inspirei a vida toda. Que me fez querer ser alguém.

Amoroso, dedicado à sua familia, batalhador… Esse é o meu PAI.

Pai, obrigada por existir, pelos ensinamentos, pela educação e pelo seu amor.

Não existe dia para celebrar, existe apenas amor para te amar.

Muito do que sou hoje, devo a você.

Muito obrigada!!!!!

Beijos no coração,

 

Samara Garcez

Diferenças

diferenças

 

Se observamos com bastante atenção uma flor, podemos constatar que uma pétala não é como a outra. Pequenos detalhes fazem a diferença e, o conjunto dessas diferenças é que realça a beleza de cada uma.

Os animais também são assim. Diferentes cores, pelos, penas, olhos, raças. São detalhes que os diferenciam.

Um dia não é igual ao outro. Um filho não é igual como o outro.

Somos todos diferentes, em gênero, raça, credo, hábitos.

Mesmo que todos tivéssemos  nascido idênticos, ainda assim, seríamos diferentes. Nossas escolhas nos tornam diferentes, pois nascemos para nos completar, para ensinar e aprender, para somar e dividir.

Fomos feitos para parar e continuar, cair e levantar, rir e chorar. Fomos feitos para viver e respeitar.

Esse mundo nada mais é do que uma grande comunidade, a qual deveria viver em harmonia, doando para um o que está faltando no outro, sem  esperar nada em troca, sem julgar, sem interesse.

Ando por esse mundo e vejo o quando ainda precisamos melhorar. Pessoas são julgadas pela raça, pela religião, pelas escolhas que fazem, pelas decisões que tomam.

São julgadas pela roupa que vestem, ou pela maneira que falam. Às vezes pelas suas origens.

Sempre há uma justificativa para julgar, para rejeitar o diferente.

O nosso é sempre melhor. Traçamos o caminho correto, somos perfeitos e felizes! Não precisamos de ninguém, não é mesmo?

Ou então… Minha religião é melhor que sua. O meu Deus é o verdadeiro.

Ou ainda… Se eu passei por isso, você está condenado a passar… Sou infeliz… Você também vai ser…. Porque assim que tem que ser.

A verdade é minha e é a que prevalece… Se não for assim, você vai se dar mal!

Certo? Errado!

E aí você decide experimentar trilhar outros caminhos, sentir diferentes emoções, aprender coisas novas. E quando você desperta para essa nova vida, o mundo cai na sua cabeça!

Chovem críticas, caras feias, julgamentos precipitados. Falta diálogo, humildade, serenidade.

Falta amor pelo próximo. Respeito pelas escolhas e pelas diferenças.

O engraçado é que se andarmos por ai, e conversamos com 10 pessoas, todas ou quase todas elas se considerarão boas pessoas, que não julgam, não tem preconceito e convivem bem com as diferenças.

Será isso verdade?

Claro que não! Todos nós, em algum momento julgamos, fomos preconceituosos ou não respeitamos o diferente por achar o nosso o melhor.

Todos somos assim. temos um lado bom e um lado ruim.

O que nos diferencia nesse aspecto é a capacidade de assumir e aceitar as diferenças de cada um.

Se o outro tentar algo que você já sabe que não vai  dar certo, fazer o que? A vida é dele, as escolhas são dele. Não são suas.

Precisamos ter mais respeito pelo próximo e aprender que precisamos respeitar os limites das pessoas.

Isso harmoniza e aproxima. Saber que podemos contar com os outros quando acertamos e erramos é maravilhoso. Melhor ainda é quando invés de ouvir uma critica, ouvirmos palavras de amor e encorajamento.

Isso é amor. Não cobrar, não julgar, não querer tudo para si, não controlar.

Amar é deixar ir. Seguir em frente. Aceitar.

Se queremos ser iguais, seremos. Mas só através do amor. O amor nos iguala, nos une, nos aproxima.

O amor nos torna seres melhores. Mais felizes.

Seja mais feliz… Ao invés de afastar, aproxime. Ao invés de criticar, aceite.

Ao invés de sofrer…Ame!

 

Beijos no coração,

 

Samara